Atualize o Adobe Flash Player.

Instale Adobe Flash player

Banner
Banner
Banner
Banner

União entre Metso e Progen tem nome: Valpro
Crédito/Foto: DivulgaçãoCrédito/Foto: Divulgação

Página Sustentável, 09/08/2013

A Metso Paper South America se une à empresa de engenharia Progen e anuncia a criação da Valpro, joint venture voltada à gestão de obras no segmento sul-americano de celulose e papel.  O objetivo da parceria, inédita no segmento, será fornecer serviços técnicos especializados nas áreas de fiscalização de obras, assessoria na gestão de contratos, assessoria técnica das obras, controle de recursos financeiros e elaboração de relatórios técnicos.

A Valpro terá sede física em São Paulo (SP), e a composição acionária da empresa será 51% pertencente à  Metso e 49% à Progen. “Já estamos trabalhando na constituição legal da Valpro e acreditamos que tudo será finalizado entre os próximos 60 e 90 dias”, afirmou Edmund Schwarz, Diretor de Projetos e Suprimentos da Metso.

A gestão de obras, especialidade da Progen, e a expertise da Metso em celulose e papel são o grande diferencial da Valpro, que ficará exclusivamente focada nos clientes atendidos pela Metso. Eduardo Barella, CEO da Progen, comemora a junção de especialidades. “Com a criação da Valpro, poderemos atender melhor o setor de celulose e papel, que é muito importante para nossa carteira de clientes”, explica. E Schwarz detalha: “A partir de agora, teremos uma companhia pioneira e 100% direcionada à gestão de obras, atividade que, antes era feita por equipes subcontratadas. Vamos unir o que há de melhor nas duas empresas controladoras e aplicar na Valpro.”

Entre  os serviços fornecidos pela  Valpro se destacam a gestão de materiais, planejamento e controle, administração de contratos e controle de custos, administração do site e sua relação com a comunidade,medições contratuais, documentação, informática, engenharia de campo, HSE, supervisão técnica, qualidade e compras. “A Valpro combinará a excelência tecnológica da Metso com o know-how em padronização e sistematização de processos da Progen que, atualmente, é a segunda maior empresa de engenharia do país”, detalha Barella.

Embora o investimento a ser empregado na Valpro não tenha sido revelado pelos investidores, houve garantias de que os aportes na joint venture serão realizados 50/50 entre Metso e Progen.

 Facebook  Twitter